quarta-feira, 4 de novembro de 2009

"Elas só falam daquilo..."



Boa noite, amáveis leitores (as) do nosso querido S&L. Estive um pouco distante do blog por motivos particulares, mas agora me encontro de volta e com muita vontade de por os dedos em prática com para nossas queridas leitoras. Gostaria de trazer aqui para o S&L um tema que venho pensando faz um bom tempo e que debati com amigos no ultimo final de semana (e ao lado de presenças femininas que consentiram com o silêncio ou com declarações que corroboravam minha teoria): Como as mulheres falam sobre homens, ou melhor, como as mulheres sempre falam de homens, ou melhor ainda, como as mulheres SÓ falam de homens.

Sei que mulheres pseudo-puritanas ou feministas se sentirão extremamente ofendidas com tais afirmações, mas gostaria de incitar-lhes a pensar se realmente não o fazem em seu dia-a-dia. É impressionante como os homens podem ser grosseiros, tarados ou qualquer outra denominação que quiserem dar, mas mesmo assim ainda temos música, futebol, apostas ridículas valendo a mãe uns dos outros... Mas as mulheres não, elas podem falar de outras coisas, desde que tenha algum individuo do sexo oposto inerente ao assunto.

Se o assunto é a louça do dia, sua mãe vai acabar falando que seu irmão ou seu pai anda um porco, ou que ele não ajuda e segue ideologias machistas e etc... Se o assunto for uma saída ao shopping, sempre vai haver aquela velha frase que antecede o dilúvio gramatical: Mulher, você não sabe quem eu encontrei! É serio, é impressionante. Se passarmos na rua e prestarmos atenção nos diálogos que se constroem entre duas ou mais mulheres passando pelo mesmo lugar ouviremos coisas do tipo: “Ai ele disse”, ou “Ai ele olhou para mim”, ou melhor ainda “Mas ele não me liga” e a derradeira frase que sempre arranca sorrisos nos seres de espécie masculina: “Ele tem outra... tenho certeza amiga!”.

Enfim, os homens podem ser tarados, viciados, terem a habilidade de ver uma mulher bonita a km de distância e comentar com um amigo “Que gostosa!”, mas as mulheres conseguem de forma impressionante falar 25hrs por dia assuntos que tenham no mínimo alguma conexão com um homem, salvo quando estão falando mal de alguma outra mulher (embora sempre se chegue a falar de homens nessa situação também). No mais, se quiserem falar de homens, primeiro experimentem os homens, todos os seus tipos e formas... E terão repertório para o vasto tempo que gastam com isso... ;)

;*

F.

16 comentários:

Júlia Lacet disse...

Prefiro não comentar.

F. disse...

Huhasuhausasuh... ;P

Cleo disse...

mulher fala de homem, de mulher,de homem, de amigas, de homem, dos pais, de homem, de futebol, de homem, de roupa, de homem, de universidade, de homem, de familia e de homem.

Mulher fala de tudo, e de homem mais ainda.

ps: bem, digamos, que falar de homem é um assunto bem filosofico-discutível e pertinente.

F. disse...

Eu ja disse que amo a sinceridade de Cleo? *-*
Huahsuhasuhasuhas...
o/\o

Anônimo disse...

Quanta audacia o sr. F tem em exprimir esse comentário, uma teoria bastante centrista. Achas mesmo que nós, mulheres, dedicamos 25 horas dos nossos dias, em conversinhas superficiais, sobre homens? um ser tão fácil de se compreender como, muitos se autonomeiam, dessa forma qual o sentido em gastar saliva falando sobre homens, os quais so em olharmos ja sabemos as intensoes?! Bastante pretensioso seu pensamento sobre as mulhes. So pra finalizar: "o mais, se quiserem falar de homens, primeiro experimentem os homens, todos os seus tipos e formas... " Deverias seguir seu própio conselho, antes de afimar que vcs, homens, estao presentes sempre em nossas conversas, existem suas exeçoes.
PS. Trocando-se de "homens", para "mulheres", no conselho, claro.

F. disse...

Hahaha... Acho tão interessante se falar em audácia quando a pessoa que comenta se esconde atrás de um pseudônimo ou se declara "anõnima". Eu sabia (como disse no próprio post) que teria de ouvir esses tipos de comentários irritados de mulheres pseudo-feministas, mas achava que quem quer que os fosse fazer teria 'peito" para fazê-lo mostrando-se. Interessante "anônimo" que se você olhar um pouquinho acima verá um depoimento de uma amiga que corrobora minha teoria ^^
Além do mais, nunca disse que não haveria exceções, mas que a maioria age assim. Não invento quando digo que vejo isso nas ruas, se você tirar essa venda pseudo-feminista também poderá ver. Além do mais, se vc acha que o ser humano (seja qual for o gênero) precisa apenas de um olhar para ser compreendido, a (ou "o") convido(a) a cursar psicologia ao meu lado, quem sabe assim vc retira essa venda pseudo-feminista que a sociedade insiste em construir e vê que existe sim diferenças de gênero, e mulheres são de uma forma e homens de outra, mesmo que ninguém seja melhor que ninguém (pois gostaria de saber onde se fundamenta para dizer que somos facilmente compreendidos, e se realmente consegue nos compreender com um olhar, pq não está rica ^^).
Aconselho que arrume argumentos melhores antes de dedicar seu precioso tempo a digitar algo aqui. ^^

PS: Eu sigo meus proprios conselhos e tento experimentar, mais do que você imagina... hahahah

Beijos,

F.

Cleo disse...

Pensei num complemento a altura da resposta do "F", mas nada melhor e mais irritante do que responder de um jeito filosofico-metaforico:

"CHUUUUUUUPA!"

:D
ps: rsposta mais machista, impossível. =P

Júlia Lacet disse...

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
adorei,Cléo!

Júlia Lacet disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Júlia Lacet disse...

Bem,apesar de não gostar de me meter em discussões calorosas a respeito dos posts,porque respeito a opinião individual,resolvi me posicionar a respeito.
Claro que o post tem uma carga de sarcarsmo e excesso,aliás,como todos os outros e creio que já perceberam ser característica dos bloggers.Mas há também muita verdade incutida nas palavras irônicas(ou não).É bem verdade que o universo feminino gira em torno do masculino(claro que não 25h por dia),mas diria que umas 22h,pelo menos,sim uhasuhuhasu.
Porque quando uma mulher vai a um salão de beleza(teoricamente pra cuidar-se, apenas),ela quer ficar bonita pra si,pas amigas,e pra algum homem.No universo acadêmico,deparo-me muitas vezes com a necessidade feminina de provar ser igual ou melhor que alguns HOMENS.
A mulher vive constantemente tentando exibir-se ou provar ser competente junto à sociedade(machista).As mulheres "ninjas" que seguem a dupla jornada de trabalho orgulham-se e falam aos quatro ventos que fazem o que os homens fazem e um pouco mais.
Mas há também os momentos em que nem lembramos que vocês existem,acreditem.

ps:não sei se falei demais e não disse nada,mas enfim.

ps2:Juro que quando vi o título do post pensei que o assunto discutido seria outro :X

J disse...

mas as mulheres conseguem de forma impressionante falar 25hrs por dia assuntos que tenham no mínimo alguma conexão com um homem, salvo quando estão falando mal de alguma outra mulher (embora sempre se chegue a falar de homens nessa situação também). FATOOOO

É a pura realidade, a motivação real da vida de uma mulher é o homem ou a falta dele, hahahauea!

vou nem comentar a resposta ao anônimo!

Escelent post "F"

Anônimo disse...

Nos, seres humanos, tendemos a falar de coisas com as quais nos convivemos, sendo assim o homem esta intriscecamente ligado as nossas conversas (bem como para vcs, homens, as mulhes) entretando como ja falei, supor que vcs estao as 25 horas presente em nossos dialogos foi um tanto superistimador de nossos assuntos diarios, e ainda quando nao sao os homens, estamos falando de outras mulheres. Fico a pensar com que tipo de mulheres, vcs se relacionam?! existem e muitas as exceçoes. Bem "F" eu em momento algum disse que somos iguais, pelo contrario, existem as diferenças perceptiveis entre os generos e isso tudo é fruto da perfeição e ainda bem que somos diferentes, me sinto realmente feliz com isso, todas essa heteregenoidade. Foste taxativo em afirmar que falamos o tempo todo sobre vcs, eu posso ser,taxativa, ao relatar que sao facilmente compreendidos, e me baseio na mesma "ciencia" que a sua, sobre as 25 horas.

Cleo disse...

Ela pode não concordar, mas garanto que passou as 25 hrs desse dia pensando na reposta desse post.

=P

Cleo disse...

#eubotolenhanafogueira

Kiune Ribeiro disse...

Bom..meninas convenhamos, tem algo melhor do que falar de homem??

Seja o homem que gostamos, seja o homem que achamos o mais idiota nas atitudes de se consegui conquistar uma garota..sim, devo confessar e já tentei colocar em prática "tentar" ficar sem falar desses seres, mas nãooo dáaaa...T.T

Não tem como, volta e meia, sempre acaba..."Mas e aê o que ele disse hemmm..."..¬¬

Ahhh...gostamos mesmo de vocês "garotos"...rs rs rs

Ou devo dizer que isso não é reciproco??

Humm...até parece...xD

Enquanto falamos de vocês, tenho plena certeza que depois de algumas bebibas os assuntos que voltam as suas mesas são: Rapaz, ela é boa mesmo!!

Bom, então estamos quites..pelo menos achamos né...O.o


Inté...

T. disse...

eu amo cleo *.*